Homenagem

 

A minha querida amiga jornalista Daniela Sepulveda comemorando  seu aniversário com agito no Copacabana Palace

Vereador Ivanberg e Sony Lima com Adelmario e Alfreda Xavier

DIA DO PROFESSOR
A Câmara Municipal realizará nesta sexta-feira 15, sessão solene em homenagem ao dia do professor. A professora Alfreda Maria Silva Campos Neta Xavier, diretora do Instituto de Educação Gastão Guimarães foi convidada  a representar os Diretores e Diretoras  e receberá homenagem de Mérito pelo dia do Professor. O autor dessa propositura foi do Vereador Ivambeg dos Santos Lima.

PARABÉNS AOS PROFESSORES PELO SEU DIA
O Dia dos Professores, comemorado em 15 de outubro, é uma data comemorativa que celebra a importância do professor em nossa sociedade. Essa data foi oficializada por meio de um decreto do governo de João Goulart. Na década de 1990, o Dia Mundial dos Professores foi idealizado pela Unesco, sendo celebrado internacionalmente em 5 de outubro.

Por que comemoramos o Dia do Professor em 15 de outubro? A data não foi escolhida por acaso: o 15 de outubro é, tradicionalmente, consagrado à educadora Santa Teresa de Ávila, freira carmelita, mística e santa católica do século XVI, importante por suas obras sobre a vida contemplativa por meio da oração mental e por sua atuação na Contrarreforma.

A data também faz referência ao dia em que D. Pedro I, imperador do Brasil, no ano de 1827, baixou um decreto imperial, criando o Ensino Elementar no Brasil. A primeira grande contribuição da lei foi a determinação que obrigava as Escolas de Primeiras Letras (fase hoje conhecidas como Ensino Fundamental) a ensinarem para meninas e meninos a leitura, a escrita e as quatro operações de cálculo.

Nessas escolas, também eram ensinadas noções gerais de geometria prática (disciplina não ministrada às meninas, que, em vez disso, tinham aulas de corte e costura, bordado e culinária). Graças ao decreto, as primeiras escolas primárias do país chegaram a todas as vilas, cidades e lugares mais populosos do Brasil, fato que contribuiu para a difusão do saber escolarizado.

Cento e vinte anos depois, a data foi transformada em feriado: em 1947, Salomão Becker, um professor paulista, sugeriu que, em 15 de outubro, fosse dado aos professores um dia de folga, haja vista que o segundo semestre escolar era extenso — durante o período, que ia de 1º de junho a 15 de dezembro, os profissionais contavam com apenas 10 dias de folga.

Além de amenizar o cansaço dos professores, na data eles se reuniam para analisar os rumos do restante do ano letivo, momento que também contava com a participação dos alunos. A celebração, realizada todos os anos em São Paulo, ficou famosa em todo o país, até ser oficializada nacionalmente como feriado escolar pelo decreto federal nº 52.682, de 14 de outubro de 1963, aprovado pelo presidente João Goulart e pelo então ministro da Educação Paulo de Tarso.

 

LATA COM SABONETES GRANADO LINHA VINTAGE

NA MAISON PITOMBO SE PODE COMPRAR
SABONETES GIGANTES FARNESE PERFUMADOS AROMA ERVA DOCE, PACOTE COM 6 UNIDADES R$35,00